Como manter uma qualidade de vida no trabalho

Ter qualidade de vida é fundamental e está relacionada ao bem-estar físico e emocional de cada pessoa. E isso exerce grande influência tanto em questões pessoais quanto profissionais e podem interferir, principalmente, em seu desempenho no dia a dia. 

Mas, afinal, o que é qualidade de vida? Esse é um termo muito comum e que costuma aparecer em discussões sobre saúde física e mental. Você, provavelmente, já escutou algo referente a isso e a sua importância, certo?

De forma geral, qualidade de vida está diretamente ligada a um conjunto de fatores que contribuem para a saúde física, psíquica e espiritual de cada indivíduo.

Esse conjunto de fatores exercem influência na vida social, isto é, se algo negativo acontece no âmbito pessoal, isso pode acabar impactando no trabalho. O contrário também pode acontecer. Por isso, é tão importante que os colaboradores desenvolvam competências, como a inteligência emocional, por exemplo, para equilibrar a vida pessoal com a profissional, se quiserem evoluir em sua carreira. 

Qualidade de vida no trabalho

A qualidade de vida e qualidade de vida no trabalho são termos distintos, mas complementares. Isso acontece porque, o trabalho é uma das áreas mais importantes da vida das pessoas, que por sua vez, compõem a força de uma empresa. 

É importante ressaltar que a qualidade de vida, seja ela pessoal ou profissional, é subjetiva. Isso é, o que é qualidade de vida para um indivíduo pode não ser para outro. Mas se os parâmetros de qualidade de vida no trabalho variam de pessoa para pessoa, então o que ela significa?

No ambiente corporativo, qualidade de vida está conectada ao bem-estar geral, saúde, desempenho e produtividade dos colaboradores em suas atividades. Isso inclui não apenas boas condições de trabalho, mas, também, os níveis de satisfação dos funcionários em relação ao clima do ambiente corporativo, relações interpessoais entre colegas, remuneração, programa de benefícios, autonomia no cargo, oportunidades de crescimento, a forma como são repassadas críticas e elogios, entre outros. Todos esses fatores podem influenciar na produtividade de cada pessoa e também no time como um todo.  

Qual sua importância

Empresas são feitas por pessoas. Por isso, é muito importante manter a equipe engajada, motivada e produtiva. Mas para que tudo isso aconteça, é necessário que o clima organizacional seja adequado e satisfatório.

Propor ações e melhorias pensando no bem-estar físico e emocional dos funcionários é uma ótima forma da empresa potencializar seus resultados. 

Por isso, é importante que os gestores e responsáveis pela gestão de pessoas tenham esse cuidado com seus colaboradores, buscando sempre saber como estão os níveis de satisfação e também propor apoio em momentos que forem necessários uma atenção maior. 

Mas, é importante destacar que a qualidade de vida não depende apenas da empresa ou do que acontece dentro dela. A vida pessoal de cada um reflete em sua qualidade de trabalho, ou seja, manter hábitos saudáveis, momentos de descanso, viagens, encontrar amigos e família, são fatores essenciais. 

Quais as vantagens

Como vimos anteriormente, a qualidade de vida é algo essencial dentro das empresas e a falta dela pode resultar em alguns prejuízos. O primeiro deles se trata de demissões e, consequentemente, os custos gerados pela alta rotatividade de funcionários. 

Isso, inclusive, pode afetar a imagem da empresa enquanto marca empregadora, pois as avaliações dos ex-funcionários podem interferir nos interesses de possíveis novos colaboradores ou parceiros. 

Além disso, no contexto competitivo do mercado, pensar no bem-estar da equipe que compõe uma empresa é uma questão que diz muito a respeito sobre os valores organizacionais. 

E, não é só isso, um ambiente que incentiva os colaboradores têm grandes chances de desenvolver soluções mais inovadoras para seus clientes e se tornar mais competitiva, o que pode aumentar o seu lucro e também ser uma estratégia positiva de marca. Considerando que a tecnologia está disponível para todos, o que faz realmente a diferença entre uma empresa e outra são as pessoas, ou seja, o capital humano.

Como alcançar a qualidade de vida no trabalho

1. Salário 

É um dos principais pontos de satisfação ou insatisfação dentro das empresas. Uma remuneração que não condiz com o real cenário pode resultar em frustração e improdutividade. Por isso, é importante priorizar uma remuneração justa, de acordo com o escopo de trabalho desenvolvido pelos funcionários. 

2. Plano de Benefícios

Além da remuneração, os benefícios são recursos que fazem toda a diferença para manter o time satisfeito. Algumas empresas concedem vale refeição e/ou alimentação, vale combustível, planos de assistência médica e/ou odontológica, seguro de vida e até prêmios ou bônus em dinheiro para os colaboradores que atingirem as metas, entre outros benefícios.

3. Relações interpessoais

As relações interpessoais entre os colegas de trabalho e um ambiente amigável é essencial para o bem-estar dos funcionários. Um clima em desarmonia pode trazer problemas, situações negativas e indesejadas.

4. Cultura organizacional

Um ambiente estressante ou com forte pressão psicológica pode ser prejudicial para à saúde física e mental, gerando esgotamento profissional. As brigas ou discussões, e até mesmo a falta de diálogo ou abertura para críticas construtivas, pode tornar o ambiente pesado e fazer com que as pessoas não queiram estar ali. 

Assim como a falta de autonomia sobre o próprio trabalho e a falta de espaço para expressar opiniões é algo que também pode interferir na qualidade e desempenho dos colaboradores dentro da empresa. Saber separar opinião profissional e opinião pessoal pode ser um grande desafio. 

Como posso contribuir 

Mas, vale destacar que tudo isso é uma relação entre empresa e colaborador, ou seja, o profissional também precisa fazer sua parte. 

A pontualidade e a entrega dos trabalhos no prazo certo são responsabilidade do funcionário. Ser comprometido com a empresa e pensar no seu crescimento também é uma forma de contribuir com um ambiente mais saudável. 

Saber trabalhar em equipe é fundamental e gera mais resultados. E, além disso, manter distância de assuntos que envolvem fofocas, mentiras, confusões, entre outras coisas. Isso demonstra falta de ética e interfere nas relações e no ambiente. 

Seja gentil e educado com as pessoas ao falar, ao mandar e-mail. Ou seja, seja uma pessoa fácil de lidar e agradável. Sempre mantendo o respeito pelos colegas e suas opiniões. Saber ouvir e falar é essencial para a harmonia do grupo. 

São muitas questões e fatores que podem contribuir para se ter uma qualidade de vida no trabalho melhor. Essas são algumas, mas existem inúmeras outras. Busque bem-estar fora e também dentro da empresa em que você trabalha. Isso será positivo tanto para você quanto para a empresa. 

Quer ter acesso a mais conteúdos exclusivos como esse? Continue acompanhando o blog da Contabilista e obtenha dicas sobre organização, produtividade, tecnologia e tudo sobre escritório!